Gênesis 10

Olá,Amantes da Palavra de Deus!!

Vamos seguir nossa jornada de descobertas e extraordinária renovação da mente?

Tenho certeza que os desafios e imprevistos para que você pare a leitura são muitos.
Exatamente porque todo potencial de transformação da sua vida está na renovação da sua mente feita pela purificação de seus princípios e a amplitude da sua compreensão. Por isso, não desista!!!

Você está diante do livro mais poderoso da terra!

Caso tenha perdido o estudo de ontem, encontre-o aqui no mural em destaque e leia-o antes de prosseguir com este. Assim compreenderá melhor em que parte da história nós estamos.

Hoje vamos avançar um pouco mais na leitura e vamos começar a compreender a origem de todos os povos da terra. Por isso fique bem atento pois o Espírito Santo vai ampliar sua visão do mundo hoje e esta será uma boa base de compreensão para a leitura de todo o Velho Testamento.

(Mas antes disso vamos orar: Pai, abençoa esta leitura e este estudo. Conduz meu entendimento e amplia minha compreensão.
Quero compreender a tua palavra!
Fala ao meu coração e edifica meu espírito, Em nome de Jesus, Amém.)

Leia o estudo quantas vezes for preciso, e consulte as referencias em sua bíblia!

INTRODUÇÃO

Deus não prometeu que após o diluvio haveria outro jardim do Éden, afinal, o coração do homem continuava se inclinando para o mal(8:21). Até mesmo o justo Noé embriagou-se e se envolveu, juntamente com um de seus filhos(Cam) e netos ( Canaã) em um ato imoral. Já naquele tempo a bebida e a imoralidade andavam juntas. Esta sórdida história foi narrada no estudo de ontem em Gn 9:18-27. Mas preferi não entrar em detalhes.

Entretanto, foi desses três filhos de Noé ( SEM, CAM e JAFÉ) que surgiram os povos que se espalharam por toda a terra.

GÊNESIS 10 registra essa dispersão, primeiro discorrendo sobre as linhagens de Cam e Jafé, e finalmente concentrando-se nos descendentes de Sem ( Semitas). Por causa de Abraão, o livro de Gênesis manifesta um interesse especial por este ultimo. Partindo da região de Ararate, os descendentes de Jafé foram para o Oeste, onde hoje é a Asia Menor e a Europa; os de Cam seguiram para o sudoeste, em direção a Canaã, Egito e Norte da Africa, e os de Sem se dirigiram para o sudeste da Mesopotâmia, no local onde chamamos de Golfo Pérsico.

Quando refletimos sobre estes movimentos migratórios, fica claro que Deus se interessa por todos os povos. Setenta povos ou tribos estão relacionadas aqui, simbolizando a totalidade dos povos. É bem provável que Jesus estivesse com isso e mente quando escolheu setenta discípulos para envia-los de dois em dois (Lc 10.1). Devemos sempre levar em consideração essa extensão universal do interesse de Deus e não interpretar a maldição sobre Canaã(Gn9.25) como limite ou justificativa para o comercio de escravos no Oeste da Africa ou a politica do Apartheid na Africa do Sul, por exemplo como fizeram os cristãos dos seculos 19 e 20, respectivamente. Pois JESUS CRISTO derrubou todas as barreiras que nos separavam. Agora já não há diferença em gregos e judeus, barbaro e cita, escravo ou livre, Cristo é tudo e está em todos ( Colossensses 3:11 e Efesios 2:11-22)

Agora voltando a história e como tudo aconteceu>

O Dr.Pinnock escreve o seguinte a respeito de seu cumprimento:

“” Estas profecias cumpriram-se maravilhosamente. Concernente à descendência de Cam: Os egípcios foram castigados com diversas pragas; a terra de Canaã foi entregue por Deus 800 anos mais tarde aos israelitas sob Josué, que destruiu muitos e obrigou o resto a fugir, alguns para Africa e outros vários países.
As condições da Africa nós conhecemos.

“”Com relação a Jafé: Engrandeça Deus à Jafé – cumpriu-se no extenso e vasto território possuído por ele – todas as ilhas e países do Oeste; e quando os gregos, e depois os romanos, subjugaram a Asia e a Africa, eles então ocuparam as moradas de Sem e de Canaã.

“”Com respeito a Sem: Bendito seja o Senhor, Deus de Sem´- isto é, ele e a sua igreja habitariam nas tendas de Sem; dele surgiria o Messias; e a adoração do verdadeiro Deus seria preservada entre a sua descendência, sendo os judeus a posteridade de Sem””
Observe os capítulos 10 e 11. O capitulo 10 indica as moradas separadas das raças e o capítulo 11 explica como se deu a separação e a contrução da torre de Babel. ( assunto imperdível para amanhã)

GÊNESIS 10

São estes os descendentes de Sem, Cam e Jafé, os filhos de Noé.

Aos três nasceram filhos depois do dilúvio.

Os filhos de Jafé foram Gomer, Magogue, Madai, Javã, Tubal, Meseque e Tirás. Os filhos de Gomer foram Asquenaz, Rifate e Togarma.
Os descendentes de Javã foram os povos de Elisá, Espanha, Chipre e Rodes.
Esses foram os descendentes de Jafé; eles moram no litoral e nas ilhas, cada povo e cada família na sua própria terra, com a sua própria língua.

Os filhos de Cam foram Cuche, Egito, Líbia e Canaã.
Os filhos de Cuche foram Sebá, Havilá, Sabtá, Raamá e Sabteca. Os filhos de Raamá foram Sabá e Dedã. Cuche foi pai de Ninrode, o primeiro grande conquistador do mundo.

Com a ajuda de Deus, o Senhor, ele se tornou um caçador famoso, e é por isso que se diz: “Seja igual a Ninrode, que com a ajuda do Senhor foi um grande caçador.”

No começo faziam parte do seu reino as cidades de Babilônia, Ereque e Acade, todas as três em Sinar.

Daquela região Ninrode foi para a Assíria e ali construiu as cidades de Nínive, Reobote-Ir, Calá e Resém, que fica entre Nínive e a grande cidade de Calá.
Os descendentes de Egito foram os povos da Lídia, Anam, Leabe, Naftu, Patrus, Caslu e de Creta, de quem os filisteus descendem.

Canaã foi pai de dois filhos: Sidom, o mais velho, e Hete. De Canaã também descendem os jebuseus, os amorreus, os girgaseus, os heveus, os arquitas, os sineus, os arvaditas, os zemareus e os hamateus.
O território dos cananeus se estendeu para o sul desde Sidom até Gerar, perto de Gaza; e para o leste foi até Sodoma, Gomorra, Admá e Zeboim, perto de Lasa.
Esses foram os descendentes de Cam, cada povo e cada família na sua própria terra, com a sua própria língua.

Sem, o irmão mais velho de Jafé, foi o pai de todos os hebreus. Os filhos de Sem foram Elão, Assur, Arpaxade, Lude e Arã. Os filhos de Arã foram Uz, Hul, Géter e Más. Arpaxade foi o pai de Selá, e Selá foi o pai de Éber. Éber foi pai de dois filhos: um se chamava Pelegue porque no seu tempo os povos do mundo foram divididos; o seu irmão se chamava Joctã. Joctã foi pai de Almodá, Selefe, Hazar-Mavé, Jera, Adonirão, Uzal, Dicla, Obal, Abimael, Sabá, Ofir, Havilá e Jobabe.
Todos estes foram filhos de Joctã. Eles viveram nas terras que vão desde a região de Mesa até Sefar, na região montanhosa do Leste.

Estes foram os descendentes de Sem, cada povo e cada família na sua própria terra, com a sua própria língua.

São essas as famílias dos filhos de Noé, nação por nação, de acordo com as várias linhas de descendentes.

Depois do dilúvio todas as nações da terra descenderam de Noé. (Gênesis 10:1-32 NTLH)

Oremos: Senhor, esta é uma parte importante da história e eu quero compreende-la para que meu entendimento seja ampliado e a tua Palavra não seja mais um enigma pra mim. Não me deixe perder o interesse, pelo contrario! Enche-me de vontade de conhecer mais e mais da história do seu povo e da origem de todas as coisas. Louvado seja o Senhor pela oportunidade de conhece-lo. Abençoa-nos nesta jornada, Em nome de Jesus, Amém.

Queridos, durmam cheios do Espírito Santo de Deus e preparem-se porque amanhã falaremos da Torre de Babel e da rebelião que nos impede de viver os planos de Deus!!!

Até amanhã!

Pastora Bianca Toledo.